Drenagem linfática ajuda no pós operatório?

Fazer uma cirurgia plástica é apenas o primeiro passo para uma nova vida. Isto porque dependendo do procedimento realizado, os resultados só serão visíveis após alguns meses. Esta parte do processo é conhecida como recuperação, fundamental para obter os resultados desejados, e devido à sua importância, é preciso seguir corretamente todas as orientações do seu cirurgião. Nesta fase, o corpo estará se acostumando às novas formas, adequando processos internos e se adaptando para exercer tarefas até então rotineiras de maneira diferente. Assim, é comum passar por alguns desconfortos, dores e inchaços, principalmente nos primeiros dias após a cirurgia. Uma das técnicas que contribui para a recuperação após um procedimento estético é a drenagem linfática.

Drenagem linfática: o que é e o que faz

A drenagem linfática é recomendada após a realização de diversas cirurgias plásticas graças a sua atuação. Durante a recuperação, é fundamental que o fluxo sanguíneo seja constante por todo o corpo. Isso faz com que não surjam acúmulos de líquidos que podem causar inchaços. Quando o nível de líquidos supera a capacidade de extração do corpo, acontece o acúmulo de líquidos. A drenagem atua justamente para reduzir este inchaço, acelerando a regeneração das áreas operadas e diminuindo a inflamação local.

Através de técnicas de massagem aplicadas em regiões específicas, os movimentos delicados estimulam a passagem da linfa, líquido que circula pelo corpo eliminando as impurezas do sangue. Esta liberação do sistema circulatório faz com que os nutrientes cheguem em todos os lugares do corpo. Além disso, a drenagem linfática também atua na eliminação de excessos de líquidos de regiões com inchaços, fazendo com que volte a circular, seja filtrado pelos rins e expelido do corpo através da urina.

Um aliado poderoso

Com todos estes benefícios, a drenagem linfática é uma grande aliada para o processo de recuperação de uma cirurgia. Porém, como sabemos, a recuperação é um processo lento e delicado, onde todas as orientações médicas devem ser seguidas. Portanto, nunca realize sessões de drenagem linfática sem a autorização do seu cirurgião plástico, profissional habilitado e capacitado para orientar sobre o melhor momento para a realização das sessões.

#Cirurgiaplástica #recuperação #drenagemlinfática #pósoperatório  #saúde

Outras Notícias