Correção de cicatriz

Cicatrizes são aqueles sinais visíveis resultantes de uma ferida após a sua cicatrização, decorrentes de lesões, machucados, ferimentos, queimaduras ou cirurgias, e a má cicatrização pode contribuir para o surgimento de sinais indesejados e permanentes na pele. Isto interfere muito em sua aparência e também no seu bem-estar, principalmente quando elas estão localizadas no rosto. A correção de cicatriz é um procedimento que minimiza a mesma, para que ela fique mais uniforme com a textura e o tom natural da sua pele. Apesar dos resultados serem esteticamente agradáveis, nenhuma cicatriz pode ser completamente apagada.

Correção de cicatriz

O primeiro passo para realizar uma correção de cicatriz é procurar um cirurgião plástico de confiança, que seja devidamente habilitado pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) para a realização deste e de qualquer outro procedimento plástico. Veja aqui a lista de médicos habilitados. Durante sua consulta, serão debatidos assuntos como o motivo de sua escolha pelo procedimento, e o cirurgião irá repassar as informações necessárias para o sucesso da remoção, além dos resultados que poderão ser alcançados.

Anestesia

Dependendo da região a ser tratada, a anestesia em uma remoção de cicatriz pode ser intravenosa, injetada diretamente no sangue, ou local, anestesia geral.

Duração do procedimento

Varia de acordo com o tamanho e a profundidade da cicatriz. Cicatrizes pequenas levam em torno de 30 minutos, já cicatrizes maiores podem levar até uma hora. Durante o procedimento, o seu cirurgião irá realizar várias incisões por toda a extensão da cicatriz, retirando a mesma com um bisturi até o tecido gorduroso da pele. São diversas as técnicas para a remoção de cicatriz: tratamentos tópicos, como géis, fitas e compressões, ajudam no fechamento das feridas; tratamentos injetáveis são recomendados para preencher pequenas cicatrizes; já tratamentos de superfície são comumente utilizados para a melhoria estética das mesmas. Após a sua remoção, o cirurgião irá realizar o sutura das cicatrizes, através do fechamento por camadas, desde o nível cutâneo (abaixo da superfície da pele) até a epiderme.

Tempo de internação

Não é necessária a internação do paciente após a realização da cirurgia, excetuando-se os casos identificados como críticos, como queimaduras graves ou outras cicatrizes profundas.

Recuperação

Nos primeiros dias, é comum surgirem inchaços nas regiões tratadas, descoloração e um certo desconforto, mas estes sintomas desaparecem em até duas semanas. A cicatrização irá progredir naturalmente nos próximos meses até se tornar aparente, levando até um ano para cicatrizar totalmente em alguns casos. É fundamental realizar o correto acompanhamento e evolução da cicatrização junto a seu cirurgião.

  • Se sente incomodado por ter uma cicatriz em alguma parte do corpo.
  • É fisicamente saudável.
  • Não for fumante.
  • Tiver perspectiva positiva e expectativa realista sobre os resultados.
  • Não tiver acne ativa ou demais doenças que possam interferir no procedimento e/ou recuperação.

Utilize esta lista de perguntas como um guia durante sua consulta.

  • Você é especialista registrado na Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica?
  • Você foi treinado, especificamente, no campo da Cirurgia Plástica?
  • A instalação do centro cirúrgico de seu consultório é autorizada pela Vigilância Sanitária?
  • Sou um bom candidato para este procedimento?
  • Quantos procedimentos deste tipo você já realizou?
  • O que eu posso fazer para que os melhores resultados sejam obtidos?
  • Onde e como o procedimento será realizado?
  • Qual o tempo de recuperação e que tipo de ajuda irei precisar neste período?
  • Quais os riscos e complicações associados ao procedimento?
  • Como as complicações são tratadas?
  • Quais as minhas opções caso eu fique insatisfeito com o resultado?