Braquioplastia

A região dos braços é motivo de orgulho para as pessoas que conseguem mantê-los firmes e torneados, e de preocupação para quem apresenta algum sinal de flacidez. Esta situação criou até o “teste do tchauzinho”, que avalia o grau de flacidez do braço enquanto a pessoa acena com a mão. Nestes casos, o problema acaba afetando também a autoestima, e deve ser tratado com muito cuidado. O melhor procedimento para reduzir o excesso de gordura e pele, e também a flacidez da região, é a braquioplastia, também conhecida como lifting de braço.

O acúmulo de gordura na região é comum com o avançar da idade, e fatores com oscilações no peso contribuem para este quadro. Mesmo a prática de exercícios físicos atua somente no fortalecimento do tônus muscular, sendo incapaz de tratar o excesso de pele que perdeu sua elasticidade ou a rigidez de tecidos enfraquecidos.

O que é o lifting de braço?

Para definir se a braquioplastia, ou lifting de braço é o procedimento certo para o seu caso, o primeiro passo é procurar um Cirurgião Plástico de sua confiança, e que seja devidamente habilitado pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) para a realização deste e de qualquer outro procedimento plástico. Veja aqui a lista de médicos habilitados.

Em sua consulta, serão debatidos os motivos que levaram você a escolher a realização da braquioplastia, onde você deverá deixar claro os motivos e expectativas de resultado.

Anestesia

Por se tratar de um procedimento mais simples, o lifting de braço pode ser feito com anestesia local, com sedação, ou também com anestesia geral. A melhor opção será definida em conjunto entre cirurgião e paciente.

Duração do procedimento

Em casos onde é feita apenas o lifting de braço, o procedimento leva em torno de 2h a 3h, de acordo com a região a ser tratada e o grau de progressão que deverá ser feito. As incisões geralmente são feitas no interior ou na parte posterior do braço, podendo se estender desde a altura da axila até o cotovelo. Dependendo do resultado desejado, a incisão também poderá ser feita na parte interna do braço. Por estas incisões é que será feita a sustentação e o remodelamento dos tecidos, com suturas internas. Por fim, as incisões são fechadas com suturas absorvíveis pela pele, ou pontos, que devem ser removidos em até 14 dias após a realização do procedimento.

Tempo de internação

O recomendado para uma braquioplastia é uma internação de, no mínimo, 24 horas. Isto porque este é o período crítico, onde o corpo inicia sua adaptação às novas formas.

Recuperação

Os resultados de uma braquioplastia podem ser percebidos logo ao final da operação, porém por causa do inchaço, ainda não será o resultado final. A região operada será envolta em curativos ou bandagens, além de uma malha de compressão, para diminuir o inchaço. Ouça atentamente as orientações do seu cirurgião para os cuidados que devem ser tomados, para que a sua recuperação ocorra de maneira tranquila. Nas primeiras três semanas, é recomendado evitar muitos movimentos com os braços, principalmente não deixando-os levantados. Neste período, também não deverão ser feitos exercícios físicos em geral, e exercícios específicos na região só devem ser feitos após dois meses, com autorização prévia do seu cirurgião.

  • For adulto e apresentar sinais claros de flacidez nos braços.
  • Tiver expectativas realistas quanto aos resultados.
  • Estiver incomodado com o tamanho de seus braços e a desproporção com o restante do corpo.

O objetivo principal da braquioplastia não é reduzir o excesso de gordura, mas sim remodelar a região e deixa-la mais harmoniosa com o restante das formas do corpo.

Em casos de gordura localizada extrema, o procedimento mais recomendado é a lipoaspiração.